5 dicas para conseguir um investimento para sua startup

5 dicas para conseguir um investimento para sua startup

Para convencer alguém a injetar dinheiro na sua ideia, é preciso estar preparado. Saiba como conseguir um investimento para sua startup!

Pode até parecer estranho para os leigos, mas, no começo da trajetória de uma startup, a prioridade pode não ser ganhar dinheiro – o mais importante, em muitos casos, é conquistar uma base de clientes. Apesar disso, é preciso de algum capital para manter o negócio até a chegada das receitas. Como conseguir essa grana? Um dos caminhos é encontrar um investidor disposto a realizar um aporte no seu negócio.

O que, naturalmente, é difícil conseguir convencer alguém a investir em algo que pode não dar certo. Por isso, o empreendedor deve saber que o caminho rumo ao aporte é bastante complicado e exige muita preparação. A opinião é de Wesley Ruiz, fundador da Project 1, empresa especializada em marketing e TI. Ele listou os pontos mais importantes para um empreendedor que quer impressionar um investidor:

1. Tenha um bom plano de negócio

Ruiz diz que é comum que os envolvidos na startup se preocupem muito mais com a ideia do negócio do que com sua viabilidade ou demanda no mercado. Os empreendedores devem estar prontos para vender a ideia e demonstrar sua lucratividade – sem isso, ninguém vai injetar dinheiro na empresa. Para esta estruturação é primordial ter um bom plano de negócios, com um planejamento detalhado e realista do futuro da startup.

2. Capriche no networking

Empreendedores precisam ter contatos. Em eventos do setor de startups, é possível encontrar muita gente interessante para o seu negócio: são essas pessoas que darão dicas e sugestões a você e que poderão apresentá-lo a investidores, aceleradoras e mentores.

3. Faça um MVP

O mundo das startups não é dos mais perfeccionistas. Explica-se: uma das etapas do desenvolvimento de uma empresa de tecnologia é a validação do projeto – ou seja, descobrir se há pessoas dispostas (ou não) a comprar o que você vende. Para isso, não é necessário ter um produto pronto. O importante é que seu protótipo funcione e esteja bom o bastante para ser mostrado ao público. Nesse estágio, você tem um produto minimamente viável (mais conhecido pela sigla MVP). Segundo Ruiz, ter esse protótipo é muito importante, pois um investidor provavelmente não acreditará apenas em suas palavras e vai querer ter algo mais avançado em mãos.

4. Tenha um time com habilidades complementares

São vários os conhecimentos necessários para gerir um negócio. Por isso, de acordo com o sócio da Project 1, é importante contar com uma equipe que domine todos esses assuntos.

5. Saiba vender seu negócio

Quando seguidos, os passos acima fazem com que uma startup fique bem estruturada. Mas todo esse trabalho não valerá muito se você, cara a cara com um investidor, não soube vender bem seu negócio. Por isso, monte uma apresentação bem caprichada do seu empreendimento e mantenha um discurso bem definido. Não caia em contradição, porque a mudança de discurso pode sugerir que você está inventando uma resposta na hora.

Fonte: Revista Pegn / Imagem: Divulgação

E você, gostou das dicas? Conte para a gente na seção de comentários abaixo e Clique Aqui para conhecer a iOiO Store, a Plataforma de Comércio Eletrônico da Binario Internet que transformará o seu negócio em uma Máquina de Vendas.