Vendas – 8 formas de bater as metas até o fim do ano

Vendas - 8 formas de bater as metas até o fim do ano

Não adianta se desesperar: Analisar as oportunidades é a melhor forma de alcançar os números planejados.

O fim do ano vem chegando, e as empresas começam a fazer as contas: será que vai dar para bater as metas de vendas antes que 2015 chegue? É claro que o ideal é ter um planejamento bom o suficiente para evitar esse tipo de sufoco. Mas, em um ano de incertezas, com Copa do Mundo e eleições, os resultados ficaram abaixo do esperado para muitos.

Enxergar oportunidades de vendas é mais importante do que correr atrás de metas inalcançáveis.

Segundo Enio Klein, diretor-geral da SalesWays, empresa especializada em produtividade em vendas, para melhorar os ganhos nos próximos meses, é preciso analisar todas as possibilidades de negócios. Ele conversou com Pequenas Empresas & Grandes Negócios e deu dicas de como bater as metas até o fim do ano. Mas ele já avisa: as tarefas nem sempre vão ser fáceis, com apenas um trimestre para trabalhar.

1. Invista nos clientes atuais
Se você é uma empresa B2B, ou seja, tem outras empresas como público-alvo, verifique se é possível vender mais para os clientes que já fazem parte da sua carteira e gostam do seu produto ou serviço. Caso não seja possível chegar à meta dessa forma, parta para a captação de novos clientes.

2. Cobre o pagamento
Também para os negócios B2B, é preciso questionar se os clientes da sua carteira realmente podem comprar e pagar até o fim do ano. Estude as necessidades de cada cliente e verifique se o que eles vão comprar casa com a sua necessidade de bater metas.

3. Resolva o problema do cliente
Entregue aquilo de que o consumidor realmente precisa. Muitas vezes, o passo mais importante é quebrar a resistência do seu cliente em comprar. Isso será feito facilmente se você tiver analisado com cuidado as necessidades de cada um deles.

4. Desista de quem não vale a pena
Se um consumidor realmente não estiver interessado, não gaste energia com ele. Parta para um novo alvo. Insistir pode deixar uma impressão ruim.

5. Ganhe mercado
Se a sua carteira de clientes não é o suficiente, o jeito é partir para a captação ativa ou buscar novas formas de aumentar as vendas. Para muitas empresas, isso significa reforçar o trabalho dos representantes de vendas ou adquirir uma loja virtual para duplicar o esforço de vendas. Segundo Klein, nessa época do ano, não vale a pena contratar temporários para fazer isso, já que o tempo e custo para capacitar novos membros pode ser maior do que os resultados. É melhor se concentrar em ajudar e preparar melhor sua equipe.

6. Valorize a equipe
Bonificar e premiar os vendedores é uma estratégia que pode funcionar, mas precisa ser feito tendo em vista objetivos factíveis. Exigir números inalcançáveis pode gerar mais frustração e minar os esforços da sua equipe.

7. Cuidado com as promoções
Você sempre pode arriscar a dar descontos e brindes, mas são estratégias de desespero, que nem sempre podem compensar. Não adianta começar esses tipos de promoção sem colocar no papel o quanto tudo vai custar e quais serão os resultados para alcançar as metas.

8. Treine os atendentes
Para as empresas que trabalham diretamente com o consumidor final, vale a pena reforçar entre os atendentes de loja a identificação de oportunidades. Jogo de cintura, flexibilidade e olhar apurado serão essenciais para saber com quais clientes insistir e de quais desistir.

Fonte: Revistapegn | Imagem: Divulgação

E você, gostaria de ter uma loja virtual para aumentar o faturamento e vender mais? Conte para a gente na seção de comentários abaixo!